A PAOLO

“ Cimento “
e ci si sente già eroi